Grandezas inversas: Esforço Financeiro e Tempo de Investimento


Olá, tudo bem com você?

Neste pequeno texto, quero chamar a atenção do leitor para que juntos possamos refletir sobre um aspecto importante em todas as decisões de investimentos. Partindo do pressuposto que investir é um meio para que possamos realizar nossos objetivos, saber o período para a sua realização torna-se peça fundamental na construção de um planejamento de investimento.

Por meio do tempo disponível que temos para realizar um objetivo é que vamos procurar a melhor opção para alocarmos nossos recursos financeiros, sempre pautando a relação risco/retorno. É fundamental que em nossa decisão de investimento, saibamos identificar os riscos, ou seja, os elementos que poderão dificultar e inviabilizar a realização dessa meta e em contrapartida mensurar os retornos que serão obtidos.

Quando o prazo de realização do objetivo é curto, nossas opções de investimentos devem contemplar modalidades que expõe o investidor a pequenos riscos, uma vez que desejamos viabilizar, ao máximo, a realização de nossa meta. Em contraposição a essa pequena exposição ao risco e consequentemente uma menor rentabilidade, o investidor terá um esforço financeiro maior proveniente de seu trabalho, ou seja, a grande maioria do recurso que será utilizado para a realização do objetivo será proveniente majoritariamente fruto do seu trabalho ativo.

Esse esforço maior é uma “compensação” à minimização do risco e, principalmente, pelo curto período em que o investimento estará sobre a “interferência” dos juros compostos. Quando o investimento está em exposição aos juros compostos por um curto período de tempo, a interferência que este exerce sobre o montante financeiro é pequeno, e por esta razão, você necessitará compensar essa baixa interferência com mais aplicações fruto do seu trabalho ativo.

 

Mas aí você deve está se perguntando!

E se eu optasse por uma opção alternativa de investimento que me rendesse uma taxa maior?

Para essas realizações de curto prazo, soluções alternativas de investimentos que “prometem” taxas maiores elevam o nível de incerteza, o que aumenta as chances de insucesso na realização do objetivo. Caso ocorra alguma “surpresinha” triste com o seu investimento que iria em sentido contrário ao seu objetivo, faria com que você tivesse um menor tempo para fazer ajustes financeiros e assim viabilizar a realização da meta.

Mas e se desse certo?

Se desse certo, muito bom pra você! Ocorreu o melhor cenário. Entretanto, essa atitude é comparada à uma “brincadeira” com o seu futuro, quer dizer, com a realização do seu objetivo. Ao realizarmos investimentos alternativos, para resgate no curto prazo, estamos lançando mão da racionalidade, trocando-a pela sorte. Assim, essas opções alternativas não deveriam compor o leque de opção de investimento que tendem a realizar no curto prazo, uma vez que o nível de incerteza é maior.

E eu vou confessar uma coisa para você!

Nunca ganhei um doce sequer em uma rifa! É por esta razão que eu não faço essa troca! É quase certeiro que a sorte vai embora antes mesmo de chegar perto de mim!!!


Gostando do nosso conteúdo?

 

Fique por dentro das nossas atualizações e receba em primeira mão tudo o que você precisa para aposentar de forma planejada e prosperar financeiramente!

Cadastrar Aqui! É Grátis!


E pelo fato de não querer “trocar o certo pelo duvidoso”, é que para objetivos que estão planejados para um prazo inferior a dois anos, opto por investimentos de curtíssimo risco, o que faz com que meus investimentos sejam rentabilizados por uma pequena taxa e consequentemente eleva a necessidade de uma maior esforço financeiro proveniente do seu trabalho. É por esta razão que muitas pessoas, “gurus” dos investimentos incentivam dedicar a estudar e aprimorar suas habilidades profissionais para que consiga ampliar sua renda ativa, e assim viabilizar a realização destes objetivos de curto prazo.

Já as realizações que são planejadas para um prazo superior à 5 anos, considero-as como sendo de longo prazo. Nesta etapa as coisas mudam de figura. A medida que o prazo de realização de seu objetivo aumenta, maior será o efeito dos juros compostos. Com isso, maior será a sua interferência no resultado final, reduzindo assim a sua necessidade de aplicações e consequentemente o seu esforço financeiro fruto do seu trabalho.

Cá pra nós”, é muito bom conseguir realizar mais objetivos com um menor esforço financeiro proveniente de nosso trabalho. Isso sim, é trabalhar com inteligência para realizar os nossos objetivos. Já que temos o tempo e os juros compostos a nosso favor, podemos nos ousar e buscar outras modalidades de investimentos que pagam, aos investidores, uma rentabilidade maior.

Ah, Marcos, mas você falou que investir em opções alternativas que geram resultados maiores, consequentemente elevam as possibilidades de insucesso do plano.

É verdade, você está coberto de razão. É isso mesmo. Porém, vale lembrar que eu também falei que o curto espaço de tempo que o investimento estaria sob o efeito dos juros compostos, te deixaria “engessado” a realizar ajustes em sua carteira de investimentos. Agora você tem o tempo jogando a seu favor. Pelo fato dos seus investimentos estarem expostos por maior tempo aos juros compostos, e por você ter mais tempo para fazer ajustes, estas modalidades de investimentos tornaram-se muito mais viável.

Afinal, queremos realizar MAIS com um MENOR esforço!

Devido aos fatos narrados, é de suma importância que o investidor tenha claro em sua mente o tempo que dedicará para construir as condições necessárias para a realização de seus objetivos financeiros. Esta concepção clara de objetivo e tempo de realização são as variáveis primordiais que irão guiar o investidor a realizar os melhores investimentos. E aqui não estou referindo-me a aquela modalidade de investimento que traga a maior rentabilidade, mas sim aquela que permite a realização do objetivo, da forma mais segura possível.

Pontos Importantes:

Ao ler esse artigo, gostaria que você refletisse 4 coisas:

* Importância de planejar seus objetivos, dando um prazo de sua realização;

* Quando maior o tempo de investimento, maior será a interferência dos juros compostos e como consequência menor será o esforço financeiro que terá proveniente de seu trabalho;

* Quando menor o tempo de investimento, menor será a interferência dos juros compostos e como consequência maior será o esforço financeiro que terá proveniente de seu trabalho;

* Viabilize a realização de seus objetivos de curto prazo, investindo na sua qualificação profissional, aumentando assim a sua renda mensal;


Gostando do nosso conteúdo?

 

Fique por dentro das nossas atualizações e receba em primeira mão tudo o que você precisa para aposentar de forma planejada e prosperar financeiramente!

Cadastrar Aqui! É Grátis!